Feno x Alfafa: descubra qual o melhor alimento para roedores

Roedores são excelentes companheiros! Divertidos e adoráveis, são pets de fácil trato, indicados para tutores iniciantes. Porém, cuidar de ratos ou coelhos também possui seus desafios. Como, por exemplo, com a alimentação e saber qual é melhor: feno x alfafa!

Para escolher melhor a nutrição de seu amigo, nada melhor que conhecer a fundo as opções disponíveis! Feno e alfafa estão entre os alimentos mais comuns para roedores.

Você conhece bem cada um deles? Continue lendo para aprender como escolher entre feno ou alfafa!

Afinal, o que é feno?

Mesmo que você não seja especialista em alimentos para roedores, provavelmente já ouviu falar deste produto. Afinal, quem nunca viu um filme de faroeste no qual rolos de feno voam em uma cidade abandonada?

No entanto, mesmo que seja um termo comum, nem todos sabem o que, de fato, é o feno. Muito utilizado na alimentação de cavalos e ruminantes, é um preparo de diferentes vegetais secos.

Isso significa que o feno, na verdade, pode ter diferentes origens. Basta que eles passem por um processo chamado fenação. Este procedimento desidrata as plantas, deixando-as com uma aparência seca e amarelada.

A vantagem é que assim o alimento dura muito mais, sem perder suas propriedades nutricionais! Por isso o feno é tão utilizado em regiões áridas e com pouca chuva.

O vegetal mais utilizado para prepará-lo é o capim. No entanto, qualquer planta pode passar por este processo e servir como alimento para diferentes animais, desde grandes equinos a pequenos hamsters!

E, o que é a alfafa?

Bom, já sabemos que o feno pode ser produzido a partir de diferentes vegetais, mas a alfafa é uma planta bem específica. Seu nome científico é Medicgo sativa, e é utilizada desde os gregos como tempero e alimento.

Na verdade, ainda hoje é muito comum em algumas culinárias, como a indiana ou árabe. O nome alfafa vem do árabe e se espalhou por todo o mundo com a popularização do ingrediente. Segundo linguistas, a palavra significa “pai de todos os alimentos.”!

A alfafa que utilizamos para alimentação de roedores passa por um processo de fenação, o que a deixa mais resistente. Por isso os dois produtos são tão similares!

Além disso, ela também é comum na alimentação de diferentes animais. Portanto, é muito valorizada por seu alto valor nutricional.

Quais as diferenças entre o Feno x Alfafa?

Certo, os dois alimentos possuem qualidades, mas qual oferecer para seu pet? Segundo especialistas, feno e alfafa estão liberados.

Porém, na batalha de qual é o melhor, o feno vence! Isso porque ele possui uma grande quantidade de fibras, que são ótimas para regular a digestão! Além disso, ele também auxilia os roedores em outros aspectos de sua saúde, como:

  • Ajuda a desgastar os dentes: como os dentes dos roedores nunca param de crescer, é preciso alimentos como o feno para ajudar a desgastá-los.
  • Auxilia a eliminar os pelos ingeridos: quem tem um roedor em casa sabe que é comum que os pets engulam alguns pelos. O feno o expulsa do corpo, evitando doenças.
  • Relaxa os pets: comer feno é uma atividade relaxante que ajuda seu amigo a se livrar do estresse!

São tantos benefícios que os veterinários indicam que o feno esteja sempre presente na gaiola de seu amigo peludo!

No entanto, não se esqueça de equilibrar a alimentação com rações especiais para roedores, pois elas possuem a nutrição exata para seu pet.

Já a alfafa, apesar de ser um tipo de feno, não é recomendada como alimento diário. Isso porque possui muito cálcio, o que pode causar problemas renais nos roedores.

Por isso é recomendado que a alfafa seja oferecida como um petisco, uma vez por semana. Seu pet vai adorar o sabor e ainda terá uma alta ingestão de vitaminas!

site do café

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *